sexta-feira, 1 de julho de 2011

Apenas Mais Um Dia

Era apenas mais um dia de Verão como outro qualquer, o sol raiava num céu limpido e sem nuvens, estava muito calor, as poucas pessoas que andavam pela rua iam com pressa, dirigiam-se para a praia, piscina, ou para casa. Havia apenas uma unica excepção a essa regra, ELE, ele que continuava sentado no banco do jardim á beira da fonte como sempre fazia, fosse inverno ou Verão, a ver as pessoas passar, tinha um rosto bonito, mas entristecido pelo tempo, esse tempo que apsar de não terem sido mais que uns meros meses lhe parcera uma eternidade, o tempo desde que ela o deixara, a partir dai ele tinha deixado de viver realmente, apenas existia, e arrastava-se para ali todos os dias pois tinha sido ali, naquele jardim, ao pé daquela mesma fonte que um dia tinha começado uma grande história de amor, com planos e promessas que acabaram por não ser cumpridos, pois no fundo do seu coração ainda havia a esperança vã e desesperada de que ela um dia voltasse e o mundo inteiro ganhasse cor outra vez.
Mas não aconteceu, nem nesse dia, nem no dia a seguir, e ele ia perdendo a esperança á medida que o tempo passava.
Foi então que num dia igualzinho aos anteriores, com nada de diferente ele sentiu vagamente uma mão pousada sobre o seu ombro, quando se virou, lá estava ela, pediu-lhe desculpa e dizendo: "Eu amo-te e nunca mais te vou abandonar", então ele abraçou-a com toda a força que tinha e ao fim de tanto tempo um sorriso voltou a inundar-lhe o rosto, então com um beijo apaixonado selaram um compromisso eterno.
E recomeçaram tudo do ponto de partida!
E foi a partir desse dia solarengo aparentemente igual a todos os outros, que uma história de amor voltou a ganhar vida e, depois desse dia eles foram felizes para sempre!



http://www.youtube.com/watch?v=GJk7pSqZaGg

Sem comentários:

Enviar um comentário