sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Definição do amor!

Hoje vou partilhar convosco um poema que escrevi, sobre a definição do amor, espero que gostem ;)


Fui tentar pesquisar,
O que é o amor afinal?
Mas descobri tantas coisas,
Que não distingo o que esta bem do que esta mal.

É sinónimo de dor,
Mas também de alegria.
E sem este sentimento,
A vida não existiria.

Leva-nos a ser pirosos,
Mas isso é irrelevante.
Pois temos ao nosso lado quem queremos,
E a nossa figura, essa deixa de ser importante.

Pode trazer depressões,
E levar ao suicídio.
E quando há ciúmes a mais,
Leva até ao homicídio.

Mas se for equilibrado,
Como os pratos da balança.
Pode ser bem desfrutado,
E trazer-nos confiança.

É quando amamos alguém,
Que cometemos as maiores loucuras.
Pois que ama faz tudo,
Mesmo que venha a sofrer amarguras.

É difícil perceber,
Qual é a sua missão.
Pois é uma coisa tão boa,
Que não tem explicação!

E depois desta pesquisa,
Que me partiu o coração.
Eu fiquei a saber,
Que não há definição.


Sem comentários:

Enviar um comentário